ROMA

1/4
Quando Ir?
Roma é uma cidade encantadora durante o ano todo e a melhor época para visitá-la, portanto, vai depender das preferências de cada um em relação ao clima e às expectativas de gastos antes e durante o passeio. 
Na capital italiana, as estações do ano são bem definidas. No verão cuja temperatura média/máxima fica na casa dos 30°C, o movimento de turistas é maior, resultando em hotéis e restaurantes cheios e filas na porta de alguns pontos turísticos. Prepare-se também para gastar mais com hospedagem caso não se programe com antecedência.
 
O lado bom desse calorão todo, no entanto, é poder explorar a imensa quantidade de atrações ao ar livre que a cidade oferece, andar bastante a pé e, claro, tomar vários gelatos! Tenha em mente, apenas, que agosto pode ser um mês complicado por ser período de férias dos locais, o que pode resultar em lojas, restaurantes e até hotéis fechados.
 
Clima ameno
Aqueles que preferem um clima mais ameno temperaturas na casa dos 20 graus e a cidade um pouco mais tranquila (se é que isso é possível em Roma) podem considerar a temporada entre abril e junho e também de setembro a outubro. É bom ressaltar, entretanto, que o período da Páscoa costuma ser um dos mais procurados do ano por católicos do mundo todo e isso reflete diretamente nos preços de hospedagem.
 
A partir de novembro, o clima começa a mudar e as chuvas passam a ser mais frequentes, motivo pelo qual muita gente acaba desistindo de visitar o destino nesse período. Pretende ir a Roma no Natal ou no ano-novo? Então saiba que essa época costuma atrair uma quantidade menor de turistas do que a Páscoa, os preços também costumam estar mais atraentes, mas pense bem caso não goste de frio, pois de dezembro a fevereiro as temperaturas podem cair bastante. 
O que Fazer?
A quantidade de atrações em Roma e no Vaticano é enorme e para conhecer todas ou boa parte delas é preciso ter pique e se organizar para não perder tempo. São sítios históricos, como o Coliseu e o Fórum Romano, museus, como os Museus do Vaticano/Capela Sistina, praças e igrejas, a exemplo da Basílica de São Pedro, enfim, locais interessantíssimos e que guardam tesouros inestimáveis.
 
Acordar cedo, ter em mãos um bom mapa da cidade/gps são dicas fundamentais, usar sapatos e roupas confortáveis também, até porque Roma é uma cidade perfeita para ser explorada a pé. Para economizar alguns euros durante essas andanças, você também pode ter todo o seu roteiro já organizado pela 777 Tur desde quando você sai do Brasil.
 Não quer perder tempo em filas? Então, não deixe para comprar os ingressos de última hora. Isso porque tanto Roma quanto o Vaticano são destinos altamente turísticos; as filas para entrar em pontos como o Coliseu e o castelo de S. Angelo costumam ser enormes.
 
Sem contar que alguns desses lugares exigem que a reserva seja feita com antecedência, como é o caso da visita noturna ao Coliseu. Consulte nós podemos ter boas ofertas a lhe oferecer.
Como Chegar?
Avião
Voos diretos e/ou com conexões partem diariamente das principais capitais brasileiras com destino ao aeroporto internacional Leonardo da Vinci, também chamado de Fiumicino, cerca de 30 km a oeste da capital.
 
Opções mais econômicas para aqueles que já estiverem na Europa, no entanto, são as companhias aéreas low cost. Voos domésticos e internacionais provenientes do próprio continente também podem chegar/partir do aeroporto Ciampino, que fica 15 km ao sul de Roma.
 
Ambos os aeroportos possuem excelente infraestrutura para receber a grande quantidade de passageiros que transitam ali diariamente. Por lá, você encontrará restaurantes, free shop, lanchonetes, caixas eletrônicos/casas de câmbio, balcão de informações ao visitante e muito mais.
 
Trem
A Stazione Termini é a principal de Roma. De lá, é possível viajar para vários destinos da Itália e de toda a Europa. 
Extremamente bem localizada, Termini oferece uma excelente infraestrutura à grande quantidade de passageiros que transita no local todos os dias, além de uma grande variedade de meios de transporte que levam o visitante até o centro turístico de Roma.
 
Carro
Roma é uma cidade com trânsito como toda cidade grande, com engarrafamentos.
Fora que encontrar estacionamentos na capital pode acabar se tornando um pesadelo, principalmente devido ao preço.
 
Caso esteja dando um giro de carro pela Itália e queira dar um pulinho em Roma, a dica é deixar o carro parado no hotel ou em algum outro estacionamento ou Desfrutar de um roteiro programado que você pode escolher qual querer desde o Brasil.
Dicas
Documentação
Cidadãos brasileiros não precisam de visto de turismo para permanência de até 90 dias na Itália e em outros países-membros do Acordo Schengen (Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça), porém, no momento do desembarque, serão exigidos por agentes de imigração um passaporte válido e outros comprovantes, como: passagem de ida e volta, comprovante de recursos financeiros, seguro-saúde válido em todos os países-membros do acordo, entre outros.
Gorjetas
Oferecer uma gorjeta ao prestador de serviço não é obrigatório e fica a cargo do cliente, até porque esse não é um costume dos locais. Caso você tenha sido bem atendido e queira deixar algo a mais, não precisa exceder os 10%.   
 
Taxistas
Vai pegar um táxi em Roma? Então preste bem atenção no taxímetro. Com o aumento do turismo na cidade, muitos taxistas passaram a não o utilizar, o que, na maioria das vezes, resulta em uma corrida mais cara. Exija o taxímetro ou acerte o valor da corrida antes. Uma boa solução é utilizar o Uber, disponível para Android e iOS. Muito prático e seguro!
 
Igrejas e sítios religiosos
Não é permitida a entrada de visitantes usando shorts, saias acima do joelho, ombros de fora e decotes em igrejas e outros sítios religiosos da cidade. Fique atento, pois a fiscalização principalmente na Basílica de São Pedro é bem rígida (talvez por esse motivo o comércio de lenços na Praça S. Pedro seja tão forte).
Segurança
Roma é uma cidade segura, contudo a ação de batedores de carteira em áreas turísticas e com uma grande concentração de pessoas exige que o turista fique bem atento. Nunca deixe a carteira no bolso de trás da calça e muito cuidado com bolsas, celulares, câmeras fotográficas e passaportes. Ao utilizar uma mochila, não guarde pertences de valor em bolsos que podem ser abertos com facilidade, caso não tenha outra alternativa, utilize cadeados.

777 TUR: Desde 2010!!!

Faça Seu Pedido Abaixo:

AV.BARÃO DE MAUÁ, 684, 1° ANDAR - MAUÁ SÃO PAULO - 09310-000

TELEFONE: (11) 2375-7377 / (11) 2375-7477

WHATSAPP: (11) 97218-9884

E-MAIL: contato@777tur.com.br

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Google Maps - Círculo preto