JERICOACOARA

1/4
Quando Ir?
Jericoacoara é um destino para se visitar o ano inteiro! Apesar de haver períodos em que a vila recebe mais turistas, há pessoas visitando o ano inteiro. Calor é o mínimo que você pode esperar quando for visitar a região; por isso, tenha na bagagem roupas leves. Roupas de frio, só se for para se proteger do vento.
 
A temperatura varia entre 35°C no verão e 22°C no inverno. A época de chuvas ocorre entre janeiro a junho - quando formam-se as belíssimas lagoas da região, mas isso não significa que passem dias inteiros chovendo, não é assim. São períodos de chuvas que vêm e logo vão embora. O sol é forte e aparece o ano todo!  
 
Historicamente, agosto é o mês com mais ventos em Jeri. Eles chegam a 35 nós à tarde, condição perfeita para os amantes do kite e do windsurf. 
 
Os meses de férias são considerados alta temporada em Jeri. Do Réveillon ao final do Carnaval a vila fica lotada com turistas brasileiros, e entre julho e novembro é a temporada do kite - época muito procurada pelos estrangeiros. Os meses de transição entre as temporadas altas são épocas com menos turistas, mas que ficam cheios se há algum feriado prolongado no calendário. 
 
Nos fins de semana e feriados prolongados a vila costuma estar mais cheia. Nessas épocas e na alta temporada, procure reservar sua hospedagem com antecedência! 
O que Fazer?
Com o nascer do sol, as opções do que fazer em Jeri nascem também. As maiores atrações são para ser vistas durante o dia; por isso, se você tem pouco tempo, vale a pena acordar cedo para aproveitar bem o dia. 
 
Grande parte das pessoas que querem curtir o mar, vão para a praia de Jeri, a mais próxima da vila. A tranquilidade está ali, e pegar um pouco de sol depois de um mergulho no mar é rejuvenescedor. Alguns restaurantes têm cadeiras e sombreiros que facilitam a vida de quem não quer se preocupar com muita coisa. Para quem quer praticar ou aprender kitesurf, esse o point da região. Para apreciar uma água mais cristalina, talvez você prefira curtir as lagoas e não o mar.
 
As atrações naturais de Jeri ficam, em boa parte, afastadas da vila. No litoral oeste as atrações são o Mangue Seco, o passeio para ver cavalos marinhos, trajeto pela área de dunas e a Lagoa da Tatajuba, que tem restaurantes. Já no lado leste, local mais popular da região, as maiores atrações são a Lagoa Azul, a linda Lagoa do Paraíso, onde fica o clube de praia Alchymist e a Pedra Furada. As agências, buggueiros e motoristas de Jericoacoara oferecem passeios para o lado leste e para o lado oeste, que podem ser feitos em buggy ou veículos tracionados, de forma particular ou compartilhado - tudo depende de como você gostaria de realizar a atividade.

Os passeios geralmente são feitos com saída de manhã cedo e retorno por volta das 15h e passam por diferentes atrações da região. Se você quiser ir apenas para um local específico, como por exemplo passar o dia curtindo a Lagoa do Paraíso, também poderá fazer isso, basta combinar com um motorista. 
 
O pôr do sol é sempre uma atração em Jeri e se você puder, admire-o todos os dias de sua viagem, cada dia de um lugar diferente. Você pode acompanhar o sol se pondo na Praia de Jeri, na linda Duna do Pôr do Sol, que tem um visual maravilhoso, ou se preferir algo mais agitado, na balada que acontece no rooftop do Hotel Hurricane Jeri. 
 
Compras em Jericoacoara
Jeri não é o paraíso para compras, mas há sim boas lojinhas para você encontrar alguns artigos interessantes. As lojas de roupas são voltadas, principalmente, para moda praia, e vendem vestidos, biquinis, sungas além de camisas com proteção solar (ítem interessante para quem não quer se queimar). Outras tantas lojas e vendedores ambulantes vendem artigos de lembranças, bijouterias e camisas com o nome da vila, que são boas opções de presentes para os amigos.
Como Chegar?
A logística para chegar a Jeri costumava não ser nada fácil, afinal a vila de Jericoacoara está a 300km de Fortaleza - Ceará e cercada por um parque cheio de dunas. Com a inauguração do Aeroporto Regional de Jericoacoara ficou mais fácil chegar ao local e diminuir as distâncias. 

Para quem pretende chegar a Jericoacoara, há duas opções: viajar até o Aeroporto Regional de Jericoacoara, localizado na cidade vizinha de Cruz, a cerca de 30km de Jeri ou viajar até o Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, que está a 300km de Jeri. 

Ainda que o aeroporto de Jericoacoara seja uma mão na roda e tenha facilitado muito chegar ao local, a oferta de voos ainda não é tão grande e por isso os preços não são tão baixos. Mesmo com o novo aeroporto muita gente continua chegando a Jeri pelo Aeroporto de Fortaleza. Optando por essa segunda opção, você deverá complementar o trajeto por terra entre Fortaleza e Jericoacoara e essa viagem pode ser feita de diferentes formas.
 
De Fortaleza a Jericoacoara em veículo 4x4
Uma das opções mais confortáveis para quem está em Fortaleza e quer ir para Jericoacoara é contratar um transporte 4x4 para fazer esse trajeto. A maior parte da viagem é feita por uma estrada asfaltada e após a chegada na Praia do Preá os pneus são esvaziados para circular pelas dunas.
 
Esse tipo de trajeto é realizado por diferentes empresas e motoristas, a partir de Fortaleza ou o trajeto inverso, saindo de Jeri. Ele também pode ser feito de forma particular ou de forma compartilhada com outros turistas, dividindo os custos da viagem.
 
Quem faz o trajeto de ônibus entre Fortaleza e Jeri é a Fretcar. A viagem inteira dura cerca de 7 horas e não é muito confortável. O ônibus leva seus passageiros até Jijoca, onde desembarcam e pegam o famoso pau de arara.
 
São cerca de 20km em pouco menos de uma hora. O transporte é um 4x4 adaptado para passageiros, e nas dunas o sobe e desce dos bancos é frequente, uma almofada ajudaria bastante. 
 
Há horários diários de ônibus saindo da rodoviária de Fortaleza ou do aeroporto de Fortaleza para Jericoacoara. É recomendável comprar sua passagem com uma pequena antecedência, para não correr o risco de ter transtornos em sua programação. 
 
De carro para Jericoacoara
A partir de Fortaleza, a melhor opção é pegar a estrada na rodovia CE-085, também conhecida como Estruturante. Apesar de ser apenas uma rodovia durante boa parte do trajeto, é recomendável carregar consigo um GPS para não ter problemas pela falta de sinalização. 
 
A estrada levará até Jijoca de Jericoacoara ou até a Vila do Preá (você pode escolher qual caminho tomar). A partir desses lugares, pode ser uma boa ideia contratar um guia para indicar o melhor caminho a seguir. As trilhas até Jeri são de areia e não têm sinalização. Não se arrisque a ir sozinho, especialmente à noite. 
Dica: A maior parte dos visitantes chega em carros 4x4, mas se você tem experiência e quer se arriscar a andar pela areia sem tração nas rodas é possível chegar também, o que se costuma fazer é esvaziar um pouco os pneus.
Dicas

Atenção

Em setembro de 2017 a Prefeitura de Jijoca, município do qual Jericoacoara faz parte, passou a cobrar uma Taxa de Turismo no valor de R$5 por dia dia de permanência, por pessoa. Idosos com mais de 60 anos e crianças até 12 anos estão isentos da taxa. O valor pode ser pago previamente pela internet, através do site da Prefeitura de Jijoca ou na chegada à vila. 

 

Deslocamento

Jeri não é um lugar muito indicado para pessoas com limitações de locomoção. Todas as ruas da vila são de areia, o local não é pavimentado, então para quem tem restrições para se locomover ou tem bebês pequenos, que precisam de carrinho, pode ser complicado o deslocamento. 

 
Infraestrutura

É recomendável economizar na bagagem para Jeri. Como todas as ruas são de areia, arrastar malas com grande peso é bastante complicado.

Cartões de crédito são aceitos nos principais restaurantes e pousadas da vila, mas eventualmente você poderá precisar de dinheiro em espécie para pagar um passeio ou compra em uma loja pequena. 

 

Não há bancos ou caixas eletrônicos em Jericoacoara. Se precisar de agência bancária você terá de ir a Jijoca, uma cidade com estrutura melhor. Leve o dinheiro que precisará durante a viagem. 

 
Sobre o Local
Assim como todo destino do mundo, há avaliações positivas e negativas sobre o local. A estrutura limitada, dificuldade para chegar e pagamento da taxa pesam como qualidades negativas para algumas pessoas. Para outras, essa simplicidade é o que torna a vila bacana. Tudo é questão de opinião e ponto de vista. Antes de ir à Jericoacoara, entenda como é sua dinâmica. Lembre-se que muitas acomodações são simples, as ruas são todas de areia e que a praia não tem água tão cristalina, as lagoas são mais bonitas. 
Segurança

A vila é bem segura, principalmente comparando com o resto do Brasil. 

777 TUR: Desde 2010!!!

Faça Seu Pedido Abaixo:

AV.BARÃO DE MAUÁ, 684, 1° ANDAR - MAUÁ SÃO PAULO - 09310-000

TELEFONE: (11) 2375-7377 / (11) 2375-7477

WHATSAPP: (11) 97218-9884

E-MAIL: contato@777tur.com.br

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Google Maps - Círculo preto