CAPADÓCIA

1/4
Quando Ir?
A Capadócia é uma região da Turquia com atrações que podem ser visitadas o ano inteiro. Sua temperatura média anual (dados de Nevsehir) é de 10ºC, com médias no verão de 18ºC e no inverno de 1ºC. As chuvas podem ocorrer ao longo de todo o ano; geralmente, os verões são mais secos e os invernos são mais úmidos. 
 
Assim como em outros destinos da Europa e Ásia, as estações são bem definidas e isso é que provoca muita diferença na hora de escolher o período da viagem. Além da paisagem ser diferente dependendo das estações, é preciso pensar que esse é um lugar onde muitos dos pontos turísticos ficam a céu aberto, portanto, escolher um mês em que as temperaturas não são tão amenas deixarão os passeios mais confortáveis. O voo de balão, por exemplo, é bem mais interessante no verão; se a média no inverno é de 1ºC em terra firme, imagine o frio que pode fazer lá em cima enquanto você voa de balão.
 
Por conta da menor quantidade de chuva e da temperatura mais agradável, a alta temporada na Capadócia é o verão (junho a setembro). Nesse período, a região vive seus dias mais movimentados e mais quentes e chega a atingir 15h de sol por dia. No verão, há mais dias de céu aberto e as condições climáticas para voar de balão são melhores, é por isso que, durante essa estação, a quantidade de balões no céu é impressionante!
 
Viajar no verão não significa que você terá dias insuportavelmente quentes. A Capadócia é um lugar alto, então a temperatura poderá ser alta durante o dia, mas durante a noite pode cair bastante. Independente da época em que você viajar, é importante levar um agasalho para se proteger do frio e do vento. 
 
O inverno (dezembro a março), embora rigoroso, também tem o seu charme, principalmente se você der a sorte de pegar as cidades com neve! Os passeios ao ar livre ficam um pouco mais difíceis de serem feitos, é verdade, mas por outro lado, a paisagem fica completamente diferente. No inverno, os dias duram menos e têm cerca de 10h de sol diariamente. Caso não queira pegar muito frio, uma boa alternativa é viajar nos meses da primavera e verão, que são meses de transição, sem tanta gente, que podem ter temperaturas mais agradáveis do que o inverno. 
 
Feriados
A Turquia é um país laico e de maioria muçulmana. No nono mês do calendário islâmico (calendário lunar, ou seja, o mês varia de acordo com o ano), os seguidores da religião islâmica fazem jejum do nascer ao pôr do sol, o chamado ramadã. Ainda que não seja um país tão fechado quanto outros países islâmicos, viajando nesse período você pode encontrar as cidades mais vazias e até alguns estabelecimentos fechados. Durante o ramadã, é recomendado não beber ou comer em público enquanto há luz do sol em respeito aos muçulmanos, que não podem fazer o mesmo. 
 
Feriados nacionais na Turquia: 1º de janeiro (ano novo), 23 de abril (dia da soberania nacional e dia das crianças), 1º de maio (dia do trabalho), 19 de maio (dia da juventude e Atatürk), 30 de agosto (dia da vitória), 29 de outubro (dia da república). Há ainda outros feriados na Turquia, mas os feriados e festivais religiosos seguem o calendário lunar, por isso os dias de suas comemorações são diferentes a cada ano. 
 
Roupas
Independente da época em que você decida viajar, leve roupas de frio. Faz calor nos dias de verão, mas durante a noite pode ficar bem fresco é normal fazer calor de dia e frio de noite. 

 
Viajando no inverno, aí sim capriche na mala: leve segunda pele, cachecol, meias grossas, luvas, etc., porque faz bastante frio.
 
Ter um tênis ou calçado de trekking é importantíssimo para fazer os passeios com conforto. Salto alto, calçados abertos ou que não ofereçam firmeza aos pés não têm nada a ver com a Capadócia, porque o lugar tem muita terra e superfícies irregulares para caminhar. 
O que Fazer?
A Capadócia é uma região formada por vilarejos e pontos turísticos variados. A área é conhecida por suas belezas naturais, que são inúmeras, e uma das grandes características locais é sua origem vulcânica. O relevo de pedras vulcânicas, que é macio, aliado ao efeito da erosão deu origem a formações rochosas muito curiosas e permitiu que muitas construções fossem feitas em cavernas, mais um dos símbolos do lugar. É um lugar para quem gosta de pequenas cidades, simplicidade e natureza.
 
Essa região é detentora de um conjunto de paisagens impressionantes: tem vales coloridos, casas construídas em cavernas, castelos, cidades subterrâneas, igrejas com pinturas seculares e formações rochosas, conhecidas como chaminés de fada. Elas são formações naturais (com formatos de cogumelo, pontiagudos ou colunas), em que o topo sustenta uma rocha maior do que o seu "corpo". Com um cenário tão surpreendente, não é se espantar que o voo de balão faça tanto sucesso. 
 
voo de balão é uma experiência incrível e realmente imperdível, não deixe de fazer, porque é lindo! Além do voo, há vários outros passeios para fazer: em Göreme, que tem cerca de 6.000 habitantes, faça uma visita ao ponto panorâmico da cidade, porque ali você terá oportunidade de ver as famosas chaminés de fada e até observar algumas delas em formação; depois visite o Göreme Open Air Museum, um museu a “céu aberto", com diversas igrejas escavadas nas rochas, muitas delas com pinturas internas bem conservadas. Próximo a Göreme, você também pode visitar Paşabağ, que tem chaminés de fada enormes, o Love Valley, com mais formações chaminés de fada e o Red Valley, com seu belo pôr do sol. 
 
São tantas belezas naturais que muita gente acaba se esquecendo do lado cultural e importantíssimo dessa região. A Capadócia é povoada há muito tempo e, dentre outras coisas, destaca-se por ter sido um local onde muitos cristãos se abrigaram na época em que o cristianismo ainda não era uma religião aceita-sua aceitação só aconteceu no Império de Constantino. Para se protegerem contra perseguições, os cristãos eram obrigados a viver escondidos e esse é um dos motivos da existência de cidades subterrâneas, como a Kaymaklı Underground City e a Derinkuyu Underground City, que possui 85 metros de profundidade e tem 8 andares abaixo da terra.
 
Em Uçhisar, que tem o ponto mais alto da cidade e consequentemente uma vista panorâmica maravilhosa, fica um castelo muito interessante, o Uçhisar Kalesi, em turco. Ele tem cômodos que se comunicam entre si e, com sua arquitetura, você pode entender um pouco da necessidade que seus antigos moradores tinham de se esconder e se proteger de ataques. Um lugar com arquitetura bem legal, porque fica em uma encosta muito íngreme, é a Selime Cathedral, um templo religioso enorme, com salões e igrejas ligados por túneis. Para ficar em contato com a natureza, um passeio bonito é Ihlara Valley, onde fica um cânion.
        
Compras 
Não vá para a Capadócia pensando em fazer compras, essa não é a vibe do lugar. Você encontrará, sim, muitas lojinhas, mas elas são voltadas para lembranças de viagem e artesanato; nada de lojas de roupas e grifes famosas, a Capadócia tem cidades pequenas, limitadas e muito rústicas para isso. Quanto às compras, você encontrará várias lojas que vendem lembranças e artesanato de viagem e poderá conseguir bons preços. Há produtos como luminárias coloridas, tapetes, tecidos, artigos de decoração, etc. Negociar o preço é parte da compra, então não se acanhe. Barganhe para conseguir um preço melhor nos produtos que for comprar!

Noite
A verdade é que a Capadócia e as cidades que a formam são pequenas, por isso não espere muito da vida noturna; para quem gosta de curtir a noite, melhor aproveitá-la em Istambul. Há algumas opções na região, mas o melhor da Capadócia é curtir as atividades diurnas, os passeios, a paisagem, o voo de balão... Durante a noite, a maioria das pessoas se restringe apenas a um jantar, o que é uma boa ideia para renovar as energias.
 
Se você gosta da noite e prefere algo mais animado do que apenas jantar, uma boa ideia é ir ao Fat Boys Cafe, que funciona como restaurante e bar e pode ser uma boa opção para tomar uma bebida e relaxar. Outra alternativa para quem gosta de bebidas é o Red Red Wine House, um bar na caverna, onde é possível experimentar os vinhos da Capadócia. A Turkish Night também é uma opção noturna e que tem uma faceta mais turística. As pessoas que participam dessa atividade realizam um jantar com comida típica, dança e músicas turcas. É uma aternativa para conhecer mais da cultura da Turquia. 
Como Chegar?
A Capadócia é uma região da Turquia a cerca de 290 km de Ancara, capital do país, ou 730 km de Istambul. Para quem pretende ir ao país com o objetivo de conhecer Istambul + Capadócia, é preciso pensar primeiro em como chegar à Turquia e depois pensar em como chegar à Capadócia. Vamos lá:
 
Como chegar à Turquia
Quem está do Brasil conta com o serviço de diferentes empresas aéreas para chegar à Turquia, e a única que tem voos diretos para o país (Istambul), é a Turkish Airlines, que tem voos diários partindo de São Paulo. Além dela, há voos com a KLM (conexão em Amsterdam), Air France (conexão em Paris), Lufthansa (conexão em Frankfurt), Swiss (conexão em Zurique), etc. 
 
Como chegar à Capadócia
Estando na Turquia, especialmente em Istambul, a melhor opção para chegar à Capadócia é de avião. Como a viagem por via terrestre pode levar 12 ou 13h, o voo, que tem apenas 1h15 de duração, é certamente a maneira mais rápida e prática. 
Há dois aeroportos que servem a região da Capadócia, um deles em Nevsehir e o outro em Kayseri. O Aeroporto de Nevşehir, ou Nevşehir Kapadokya Airport, é o mais conveniente para explorar a região, porque tem uma localização melhor e está a apenas 40 km de Göreme, uma das principais cidades-base para se hospedar.  
O lado negativo desse aeroporto é que ele pertence a uma cidade pequena, com pouco mais de 100 mil habitantes, portanto tem uma capacidade limitada e poucos voos diários. 
 
O outro aeroporto que serve a Capadócia, Kayseri Erkilet Airport, pertence a cidade de Keyseri, que tem mais de 900 mil habitantes. Comparado ao pequeno terminal de Nevşehir, o aeroporto de Kayseri é bem melhor, tem mais voos diários, voos internacionais, opções de locadoras e uma estrutura muito superior, mas ele fica bem mais afastado das principais cidades da Capadócia e está a cerca de 76 km de Göreme. 
Ou seja, se você quer mais opções de voos, estrutura e não se importa em pegar mais tempo na estrada, utilize o aeroproto de Kayseri; se você prioriza localização, utilize o aeroporto de Nevşehir.
 
As principais empresas que operam na Turquia e viajam para os aeroportos de Nevşehir e Kayseri são a Turkish Airlines, a Pegasus, a Onu Air e a Anadolu Jet. Se você pretende partir de Istambul para a Capadócia, lembre-se de que a cidade também tem dois aeroportos, o principal deles, aeroporto internacional Ataturk, e um de menor porte, o Sabiha, que fica mais afastado da área turística da cidade. 

Outro ponto a considerar é que o limite nacional de bagagem despachada é diferente do limite internacional; verifique as regras da companhia aérea que você escolher para saber quantos quilos são permitidos despachar sem cobrança. 
 
Como sair do aeroporto
Táxis estão disponíveis nas saídas dos aeroportos, mas certamente não são a maneira mais econômica de você ir até um hotel na Capadócia, por isso, a melhor alternativa é utilizar um transfer compartilhado (pago por pessoa) ou um transfer privado, caso você queira privacidade ou esteja em família/grupo. Lembre-se de que há diferentes cidades na Capadócia para se hospedar, entre elas Göreme, Ürgüp, Uçhisar e Avanos, e o tempo de deslocamento até sua cidade-base dependerá da distância até ela. 
 
Saindo do aeroporto de Nevsehir, utilizamos um transfer da empresa Demirhan e não foi preciso fazer reserva antecipada. A viagem até a parte central de Goreme custou ₺15 por pessoa, mas esse transfer é daqueles pinga-pinga e faz um caminho que para em diferentes cidades até chegar no seu destino final. Se você quiser chegar logo, não é uma boa ideia, porque ele demora mais para fazer um caminho simples. 
Recomendamos, então, que você utilize outra empresa de transfer. Há várias opções e os valores custam entre 10 e €15. Duas opções para fazer o transporte são a Turkish Heritage Travel e a Cappadocia Express.
 
Ônibus
Como dissemos, viajar de ônibus até a Capadócia não é a melhor das opções para quem está em Istambul. De toda forma, é uma alternativa para quem quer economizar com o deslocamento na viagem e não se importa com o tempo gasto. Os ônibus podem viajar durante a noite e os assentos costumam ser divididos por sexo, homens sentam ao lado de homens e mulheres ao lado de mulheres. 
 
Carro
Para quem gosta de pegar a estrada, uma opção é alugar um carro em Istambul e viajar até a Capadócia. Há várias empresas grandes em que você pode alugar o carro, como Hertz, Europcar e Budget. Lembre-se de que, na Turquia, as pessoas sempre negociam o preço, então, se pechinchar, você pode conseguir um desconto no aluguel. 
São cerca de 730 km de Istambul até Goreme pelas vias E80, D750 e E90.
Saindo de Ancara, são 290 km pela D200. 
Dicas
Documentação
Brasileiros que viajam a turismo para a Turquia por até 90 dias não necessitam de visto, apenas do passaporte com uma página em branco. O passaporte deve ser válido no momento da entrada e saída do país. Para mais informações, acesse o site do Portal ConsularNenhuma vacina é obrigatória para entrar na Turquia.
 
Moeda
A moeda utilizada na Turquia é a lira turca (TRY). Essa é a moeda que circula no país e é ela que você deve ter em mãos caso queira pagar gastos com ônibus, táxis, restaurantes. Alguns estabelecimentos de muito apelo turístico aceitam moedas estrangeiras, como o dólar e, principalmente, o euro; nesse caso, você deve estar ciente de que a conversão utilizada será aquela adotada pelo próprio estabelecimento e, algumas vezes, a tarifa pode não ser muito vantajosa. 
 
Na Capadócia, muitos hotéis e agências de passeios aceitam outras moedas e você consegue, por exemplo, pagar seu voo de balão ou sua hospedagem em euros. É curioso, porque alguns serviços nessa região já têm seus valores fixados em euro, e não em lira. 
 
A moeda turca tem um valor similar ao nosso real, mas não é fácil de ser encontrada no Brasil. Para obter a lira turca, você deve trocar dólares ou euro no Brasil e então, ao chegar na Europa, trocá-los pela lira. Uma outra opção que pode ser vantajosa é, ao chegar na Turquia, fazer um saque de sua conta corrente e já retirar o dinheiro na moeda local. 
 
Cartões de crédito são amplamente aceitos em muitos estabelecimentos, como hotéis, locadoras, empresas de turismo e restaurantes; mas em locais de pequeno porte, pode ser que o pagamento seja apenas em dinheiro. A dica é sempre ter mais de uma forma de pagamento à disposição para não ter problemas. Para fazer saques ou utilizar o cartão de crédito no exterior, lembre-se de desbloquear o cartão para uso internacional junto ao seu banco.
 
Língua
O turco é a língua oficial da Turquia, mas o inglês também é muito falado, principalmente por pessoas que trabalham com turismo. Os turcos são um pouco brutos no seu modo de lidar com as pessoas, mas muitos que falam inglês (e, às vezes, quem não fala também) são solícitos em ajudar turistas. O alfabeto da língua turca é de origem latina e tem mais consoantes e vogais do que o nosso; no seu alfabeto há algumas letras a mais a fim de caracterizar melhor alguns fonemas da língua. Embora o turco seja completamente diferente do português, vez ou outra você irá identificar algumas semelhanças com nossa língua. 
 
Energia
A rede elétrica da Turquia é de 230V/50Hz e suas tomadas são de dois pinos redondos “afundados”. 
 
Fuso Horário
O fuso horário de Istambul e Capadócia é o UTC +2. No horário de verão europeu, ainda há uma hora a mais de diferença para o Brasil. 
 
Para facilitar sua estadia, sugerimos que você compre um chip pré-pago para utilizar a internet em seu smartphone. Conexão com a internet pode ser útil para fazer uma tradução para o turco, saber a localização de um ponto turístico, saber como chegar a um determinado lugar, ver o horário de abertura de um estabelecimento e muitas outras coisas. 

O que levar
Não deixe de colocar na mala roupas de frio e tênis, ou um calçado fechado, como botas de trekking. Hidratantes, inclusive labial, também são indicados por conta do frio e, às vezes, do tempo seco.
 
A cidade
Lembre-se de que a Capadócia é formada por cidades de pequeno porte, portanto, não espere uma mega estrutura desses lugares. Muitas das construções são rústicas, em cavernas, isso faz parte do seu charme e é um dos seus grandes diferenciais. 

777 TUR: Desde 2010!!!

Faça Seu Pedido Abaixo:

AV.BARÃO DE MAUÁ, 684, 1° ANDAR - MAUÁ SÃO PAULO - 09310-000

TELEFONE: (11) 2375-7377 / (11) 2375-7477

WHATSAPP: (11) 97218-9884

E-MAIL: contato@777tur.com.br

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Google Maps - Círculo preto